id="news"-->
Justiça condena ex-prefeito paraibano a 5 anos e 9 meses de prisão
em 24-01-2018 07:00:00 (212 leituras)

O ex-prefeito de Caiçara, região de Guarabira na Paraíba, Eurípedes de Oliveira Pessoa foi condenado a cinco anos e nove meses de reclusão por desvio de verba pública. Já o empresário Deczon Cunha foi condenado a uma pena de 7 anos de reclusão.

O crime teria sido cometido durante a execução do Convênio nº 1061/2002, firmado com a FUNASA, tendo por finalidade a construção de sistema de esgotamento sanitário.



De acordo com a denúncia, o ex-prefeito contratou os serviços de Deczon Cunha para vencer o processo licitatório, sem competitividade e tornar-se responsável pela execução da obra. Além disso, o objeto contratado não atendeu a seu propósito, inexistindo lista contendo as residências beneficiadas ou qualquer comprovação de que as ligações, em algum momento, foram realizadas.

Em sua defesa, o gestor alegou que as obras foram totalmente executadas e, posteriormente, destruídas em face de grande cheia do Rio Curimataú.

Na sentença, o juiz Tercius Gondim Maia escreveu que “restou demonstrado que os réus Deczon Farias da Cunha e Eurípedes de Oliveira Pessoa praticaram, de forma dolosa, com vontade livre e consciente, a conduta tipificada no artigo 1º, inciso I, do Decreto-Lei n.º 201/1967, desviando verbas públicas federais do Convênio nº 1061/2002 firmado com o Município de Caiçara para a implantação do Sistema de Esgotamento Sanitário, em proveito próprio ou de terceiros”.






Fonte PORTAL DIÁRIO com Os Guedes

Página de impressão amigável Enviar esta história par aum amigo Criar um arquvo PDF do artigo